Anonimato

A Décima Segunda Tradição de D.A.S.A. diz: “O Anonimato é o alicerce espiritual de nossas Tradições, lembrando-nos sempre da necessidade de colocar os princípios acima das personalidades”.

Desta forma, garantindo o anonimato dos que comparecem às reuniões e a confidencialidade dos depoimentos que são dados, podemos ter a segurança de compartilhar nossa doença e nossa recuperação sem medo de sermos identificados em sociedade.

Ainda assim, alguns membros preferem não identificar-se nas reuniões, optando pelo uso de pseudônimos. Mesmo para aqueles que utilizam seus nomes verdadeiros, recomenda-se que utilize apenas o primeiro nome.

Você pode freqüentar as reuniões de D.A.S.A. sem medo. Partilhe quando quiser. Ninguém é obrigado a falar em nossas reuniões, nem a identificar-se se não o desejar. Ouvir as histórias partilhadas pode ser fonte importante de identificação e recuperação. Mas quebrar o isolamento e revelar o “segredo” de sua doença é um momento marcante para a recuperação individual. Quando você entender que é o momento, esteja disposto a dar este salto.

É claro que este anonimato é garantido na medida em que cada membro respeita esta Tradição. É um compromisso individual e intransferível que cada um assume intimamente consigo e com a irmandade, na medida em que acredita que freqüentar as reuniões de D.A.S.A. pode ajudar em sua recuperação.

Outro aspecto do anonimato é a indicação de que o importante para a recuperação individual são os PRINCÍPIOS de nosso Programa. As personalidades, os membros individualmente, apesar de serem indispensável fonte de ajuda mútua e aceitação, somente nos ajudam se estiverem verdadeiramente imbuídos de praticar o programa de 12 Passos e 12 Tradições em todas as áreas de suas vidas. As histórias individuais são espelhos de nossa recuperação. Mas são apenas isto: espelhos. O caminho é a prática do programa. Princípios acima de personalidades.

(Texto escrito para o site de dasacuritiba. Não representa a opinião de D.A.S.A. como um todo.)

VOCÊ NÃO ESTÁ SÓ

O único requisito para se tornar membro de D.A.S.A. é o desejo de parar de praticar um padrão de dependência de amor e sexo.

ENCONTRE MAIS SOBRE D.A.S.A.

Junta Mundial de D.A.S.A. – Fellowship-Wide Services – www.slaafws.org

Outros sites relacionados

D.A.S.A Rio de Janeiro - http://dasariodejaneiro.com.br
D.A.S.A Curitiba - http://dasacuritiba.com.br
D.A.S.A. São Paulowww.dasa-sp.org

D.A.S.A. Rio Grande do Sul
Porto Alegre: Grupo D.A.S.A. Porto Alegre (24 anos) - Av. Independência 993 (Cruz Vermelha Brasileira), térreo, fundos, sala 2, bairro Independência. Aos sábados, das 16h:15min às 18h:15min.
Porto Alegre: Grupo D.A.S.A. Honestidade (7 anos) - Av. Goethe 200 (Escola Uruguai), térreo, sala 13, Parque Moinhos de Vento. Às quartas-feiras, das 19h:30min às 21:15min.
Canoas: Grupo D.A.S.A. Abstinência (3 anos) - Rua Coronel Vicente 163 (ao lado da UBS Santa Isabel), térreo, fundos, sala da Pacto, bairro Centro. Quinzenal, 2ª e 4ª segundas-feiras, das 20h às 22h.
Caxias do Sul: Grupo D.A.S.A. Caxias do Sul (1 ano) - Av. Rubem Bento Alves, 3885, térreo, (frente à Guinchos Caxiense), bairro São José. Às quintas-feiras, das 20h às 21h:30min.
CONTATOS: dasaportoalegre@bol.com.br (Porto Alegre e Canoas) e dasacaxias@bol.com.br (Caxias do Sul)."